Best Green Blogs



Na lista do Best Green Blogs!



Meu muito obrigada a todos que fizeram do meu sentimento algo único, motivador e inspirador para elaboração de novos conteúdos e posts que possam expressar todo meu amor e repeito por qualquer forma de vida em nosso planeta!



Saudações, e sejam bem vindos ao meu mundo amigo!



Kellen Guimarães



Leia mais...

Conheça sobre fitoterapia e como aproveitar os seus princípios ativos!

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Veja o que você vai encontra nesse artigo:

I-Fitoterapia - Todo o poder das plantas

II-Confira como aproveitar os princípios terapêuticos das ervas medicinais, aprendendo as diferentes maneiras de utilizar cada planta:

III-Como fazer infusão

IV-Como preparar tinturas

V-Decocção Método para fazer com cascas e raízes

VI-Como fazer compressas

VII-mo fazer ungüentos

VIII-Como preparar tisana. Com o nome incomum, tisana é o chá feito de cascas e galhos.

IX-Maceração: esse método preserva sais e vitaminas das plantas.

X-Inalações: elas são ideais para aliviar problemas respiratórios da Saúde


I-Fitoterapia - Todo o poder das plantas

Essa ciência se baseia na atuação do princípio ativo dos vegetais no corpo humano. Regulamentada pelo Conselho Nacional de Saúde, a Fitoterapia pode ser tão eficiente quanto a Medicina Convencional e não se deve adotá-la sem orientação médica. Segundo a legislação, além da designação "produto fitoterápico", a embalagem deve informar: nomenclatura botânica oficial, parte da planta utilizada, número do lote e do registro no Ministério da Saúde, data de validade e nome do farmacêutico responsável.

"Nem sempre as plantas agem combatendo o agente causador de uma doença. Algumas vezes, aliviam os sintomas e em outras, previnem", explica a farmacêutica Adriana Henemann de Almeida, da Fundação Herbarium, especializada no estudo de plantas medicinais. Assim como os medicamentos alopáticos, os fitoterápicos também têm contra-indicações. É o caso do confrei, um supercicatrizante que virou moda nos anos 80.Ele é tóxico para o fígado se for ingerido por períodos prolongados. Mesmo algumas ervas mais populares, como a arruda e a babosa, não devem ser consumidas sem indicação. Entre outros efeitos, elas são abortivas.

Saiba como aproveitar os poderes de cura das plantas, preparando cada uma delas da forma correta da Saúde .
Existem várias maneiras de utilizar as ervas medicinais para fins terapêuticos, mas antes de mais nada é fundamental tomar alguns cuidados na hora de preparar e armazenar os remédios naturais. Tudo é simples, só requer atenção, para que as propriedades medicinais sejam mantidas. Nem todas as partes das plantas podem ser levadas ao fogo, por exemplo. "Só as cascas e o caule devem ser fervidos. Com as outras partes você deve fazer infusão", informa a farmacêutica Adriana H. de Almeida, do Laboratório Botânico Herbarium.

Além disso, fique de olho no prazo de validade: os remédios caseiros costumam ser para uso imediato. A exceção fica com as tinturas, que duram por mais de um ano quando guardadas corretamente.

II-Confira como aproveitar os princípios terapêuticos das ervas medicinais, aprendendo as diferentes maneiras de utilizar cada planta:

. O jeito certo de fazer chá


. Saiba como garantir os poderes terapêuticos dessa bebida

. Fique atenta: para não correr o risco de eliminar as propriedades terapêuticas das plantas medicinais, saiba que nem todas as partes da planta podem ser levados ao fogo. "Só as cascas e o caule das plantas medicinais podem ser fervidos.
Com as outras partes das plantas você deve fazer infusão", afirma a farmacêutica Adriana H. de Almeida, do Laboratório Botânico Herbarium.

1. Use panelas de barro, vidro ou ágata. É que o alumínio reage com alguns princípios ativos, oxidando-os.

2. Na hora do preparo, use 4 colheres de sopa da erva fresca ou 2 colheres da seca para cada litro de água.

3. Leve ao fogo, mantenha a tampa da panela fechada e deixe ferver por 10 a 15 minutos, já que muitas substâncias das ervas são voláteis e vão embora com o vapor.

4. Coe e beba. Evite adoçar o chá, principalmente aqueles para distúrbios digestivos. Para problemas pulmonares, o mel costuma ser indicado.

III-Como fazer infusão

Utilize com folhas, pétalas ou flores da Saúde

1. Antes de mais nada, ferva a água indicada na receita.

2. Separe as ervas numa vasilha e, assim que a água entrar em ebulição, despeje-a sobre elas.

3. Tampe a vasilha e deixe repousar por 10 minutos. Então, coe e beba.

IV-Como preparar tinturas

Na hora de tomar, a tintura deve ser diluída em água. Geralmente as dosagens variam de 5 a 20 gotas por copo, mas não deixe de seguir a recomendação da receita.

1. Ponha a quantidade indicada da erva em um recipiente com tampa hermética.

2. Acrescente álcool a 60 graus (vendido em farmácias) e tampe.

3. Deixe descansar por duas semanas, agitando o preparado duas vezes ao dia.

4. Coe e guarde a tintura em um frasco escuro. Se o medicamento for guardado em um frasco bem fechado, pode durar até dois anos. Use de acordo com as recomendações da receita.

Como fazer cataplasmas Essa é uma das maneiras que permitem aplicar a erva diretamente sobre a região afetada.

1. As folhas frescas podem ser amassadas com as suas mãos e e esfregadas no corpo.

2. No caso de ervas secas, você pode colocá-las em um saquinho de algodão, aquecê-lo com ferro e colocá-lo sobre a pele.

3. Outra opção é preparar uma pasta, socando a planta no pilão com um pouco de água fervendo. Não utilize vasilhas nem colheres de metal. Prefira as de madeira ou de porcelana.

V-Decocção Método para fazer com cascas e raízes.

1. Coloque as ervas de molho na água fria por cerca de 2 horas. Quando usar raízes, deixe-as picadas em pedacinhos.

2. Leve as plantas e a água para o fogo e cozinhe de 15 a 30 minutos. Quanto mais dura for a parte da planta utilizada, maior será o tempo de cozimento.

3. Tire do fogo e deixe repousar com a panela tampada por mais alguns minutos. Use depois que esfriar, de acordo com as recomendações da receita.

VI-Como fazer compressas

Elas agem diretamente no local afetado.

1. Cozinhe as ervas até obter um líquido bem mais denso que um chá comum.

2. Mergulhe um pano bem limpo no líquido e aplique-o na região do corpo a ser tratada, de acordo com as recomendações da receita. Em algumas receitas, é preciso esperar que o chá esfrie, antes de fazer a compressa.

VII-Como fazer ungüentos

Os ungüentos são remédios que permitem uma aplicação mais demorada sobre a pele.

1. Extraia o suco das ervas frescas em uma centífruga, processador ou no moedor de cereais.

2. Misture o suco à lanolina (comprada em farmácias), previamente aquecida em banho-maria. Use uma parte do suco para cada parte de lanolina.

2. Aplique sobre o local afetado por, no mínimo, 30 minutos, de acordo com as recomendações da receita.

VIII-Como preparar tisana. Com o nome incomum, tisana é o chá feito de cascas e galhos.

1. Coloque água em panela e, quando ferver, acrescente as ervas.

2. Tampe e deixe o líquido borbulhando por cinco minutos.

3. Tire do fogo e deixe repousar, ainda tampado, por mais alguns minutos.

4. Basta coar e a tisana está pronta para beber. Use-a de acordo com as recomendações da recita.

IX-Maceração: esse método preserva sais e vitaminas das plantas

1. Deixe as ervas de molho na água fria (em cerca de um ou dois copos, de acordo com as recomendações médicas). Flores, folhas ou sementes devem ficar na água por 12 horas e talos, cascas e raízes por 24 horas.

2. Coe e beba o líquido imediatamente. Como não há fervura e nem conservantes, as bactérias podem proliferar com facilidade.

X-Inalações: elas são ideais para aliviar problemas respiratórios da Saúde

1. Faça a decocção das ervas.

2. Quando levantar fervura, passe o líquido para uma vasilha e incline o rosto sobre ela, mantendo uma distância de cerca de 20 centímetros. Jogue uma toalha sobre a cabeça para que o vapor demore mais tempo até se dispersar

Fonte: Inexistente, artigo acessado no ano de 2007: link não disponível em 19 de janeiro de 2010. Por favor, caso o autor do artigo se manifeste envie o endereço do texto para citação da fonte.

2 comentários:

Principe Encantado 28 de janeiro de 2010 04:38  

Muito legal, bem interessante amiga.
Abraços forte

Leandro da silva 1 de maio de 2012 15:23  

Das muitas variedades de Lycium, o tibetano Lycium Berry ganhou o respeito dos grandes médicos do Tibete ao longo destes muitos séculos e foi cunhado com 'Goji "o nome. Ela cresce em áreas remotas montanhas e vales não poluído do Tibet e da Mongólia, em solo tão rico em nutrientes que os frutos estão explodindo com esta vitalidade nutrientes especiais densa. Aqui estão apenas algumas maneiras de Goji dar suporte a uma vida saudável.
Protege o fígado - menos fadiga
Ajuda a visão - suporta a função renal
Avança a atividade metabólica - diluição de gordura e auxilia a digestão, a função imunológica - Linfócitos, interleucina-2, Imunoglobulina
Melhora a circulação - apoia a distribuição de nutrientes e os níveis de energia de qualidade
Melhora a função sexual e a fertilidade - aumenta o desejo sexual e energia
Promove vida longa - revitaliza o sangue e todos os órgãos internos
Rica em fitonutrientes, antioxidantes, especialmente os carotenóides, como betacaroteno e zeaxantina.
Estudos estão mostrando que as bagas de Goji pode impedir o crescimento de células cancerosas, reduzir a glicose no sangue e níveis de colesterol.
Goji contêm polissacarídeos bioativos (LBP) - indicadores chaves para a construção da resposta imune
Deguste cada fruto individualmente ou adicione-o aos cereais quentes, sucos de frutas liquidificador, acrescente um punhado de sua garrafa de água e poderás comê-los a vontade. A utilização em mistura da fuga, sopas, frutas inteiras e barras de castanha, bolos, biscoitos, chá e frutas, misturas de sucos. Para diversas maneiras de apreciar este baga especial. seja criativo ao gerar receitas de sucos ou até mesmo saladas com os frutos e as folhas do goji. Saiba mais: http://mudasdegoji.blogspot.com/2011/05/bagas-de-goji.html

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails

Autora do Blog

Mãe! indignada com a injustiça, mas procura ter sensibilidade nas questões e decisões.Cientista da informação, Bibliotecária e especialista em Gestão Estratégica da informação pela UFMG. Designer em Comunicação Gráfica. Experiência em questões ambientais e sociais. Paixão por Ciência e Tecnologia. Colecionadora de brinquedos e livros; entusiasmada por cultivo de plantas medicinais e decoração. Simpatizante do Surf, e amante de uma boa comida!

Pense em algo que pode mudar o mundo, e coloque em prática!


Envie nos ou indique uma idéia, produto, serviço, empresa ou gente com uma história, atitude, ação, ou uma solução que não provoquem impactos negativos ao meio ambiente, às pessoas, à saúde e o bem-estar de todos nós meumundoamigo2009@gmail.com

Conheça as regras de envio no link Sobre MeuMundoAmigo

Movimento de Defesa aos Direitos Humanos e Meio Ambiente

www.mdduma.blogspot.com

Facebook

https://www.facebook.com/kellengp

Meu Mundo Amigo

Um jeito diferente de tratar questões ambientais e sociais, através de análises, comentários e críticas acerca de produtos, serviços, pessoas, tecnologias e processos mais vulneráveis aos impactos negativos ou positivos para o meio ambiente.

Quer ser um colaborador?

Conhece alguma empresa, produto, serviço ou processo que precisa ser melhorado para ser ecologicamente ou socialmente correto?

Envie-nos para que possamos colocá-lo e ser comentado no blog!

E-mail: meumundoamigo2009@gmail.com.br ou
preencha formulário de contato
Conheça mais sobre MeuMundoAmigo

Grande Abraço
Kellen

"Por que o importante é criarmos uma sociedade melhor para vivermos. Vamos estimular o mercado a nos oferecer boas práticas!"

Visitantes On-line

  © Blogger templates Palm by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP